DIFÍCIL DE OCULTAR – A HISTÓRIA DE SUCESSO DA BARRACUDA

Das redes de camuflagem aos equipamentos militares de ocultação de nível internacional. Ao longo de 60 anos, seu talento para a inovação técnica tem caracterizado a Saab Barracuda – cujo sistema de camuflagem exclusivo permite ocultar desde soldados e carros de combate até grandes navios.

A Saab Barracuda é, há muito tempo, líder mundial em termos de inovação e desenvolvimento de tecnologia no campo da camuflagem. Os produtos da empresa são usados em mais de cinquenta países em todo o mundo para camuflar pessoas, viaturas, navios e outros equipamentos nos espectros visual, infravermelho próximo, térmico e de radar.

“Estamos tão associados à ocultação e à qualidade que a cobertura Barracuda tornou-se um termo internacional para redes de camuflagem”, afirma Maria Nilsson, gerente de pesquisa e desenvolvimento na Saab Barracuda.

Os alicerces da empresa foram fixados nos anos 1950, fazendo uso da produção de redes de camuflagem existente. Os 60 anos da Saab Barracuda são sinônimo de desenvolvimento inovador e de produção de equipamentos para gerenciamento de assinaturas. A empresa está por trás de trajes e redes que oferecem uma série de características diferentes. Os clientes frequentemente exigem especificações claras, em que a tecnologia de camuflagem, por exemplo, deve ser robusta, térmica, impermeável e capaz de reduzir a assinatura de radar do objeto protegido.

“Diversos dos nossos produtos são totalmente exclusivos, com características que praticamente nenhum concorrente consegue igualar”, afirma Maria Nilsson.                       

As exigências dos clientes determinam o desenvolvimento

A permanência na linha de frente está no DNA da Saab Barracuda, uma vez que ela está constantemente ampliando o seu entendimento de como serão as ameaças futuras aos clientes.

“Que tipo de missões os clientes têm? Onde estarão operando? Que sensores de ameaça encontrarão? Cada ambiente tem a sua própria exigência em termos de assinaturas, além de propriedades como robustez, anti-inflamabilidade e impermeabilidade que são exigidas pelos clientes”, conclui Nilsson.

John Jersblad, PhD e engenheiro de desenvolvimento sênior da Saab Barracuda, acrescenta:

“Não se trata apenas de uma questão de como se esconder e misturar-se ao cenário, mas sim sobre como ganhar tempo contra seus adversários e ser quem que age primeiro. Viaturas e pessoas são recursos valiosos, que merecem proteção nos conflitos atuais. Esta é uma das razões pelas quais estamos fornecendo mais sistemas de camuflagem móveis”.

O sistema de camuflagem móvel (MCS) também cria um ambiente de trabalho melhor para a equipe e para os equipamentos. Ele engana o sistema de sensores do inimigo e os algoritmos que controlam ogivas de busca de alvo em diferentes tipos de sistemas de armas inteligentes.

“Nossos sistemas podem fornecer proteção contra radiação solar e ajudar a reduzir a temperatura no interior das viaturas. Estamos nos concentrando nesses tipos de características, a fim de nos manter um passo à frente dos nossos concorrentes”, explica Nilsson.

O desenvolvimento de equipamentos e revestimentos com propriedades adequadas ao longo de grandes partes do espectro eletromagnético é uma das competências essenciais da Saab Barracuda. O departamento possui vários químicos que estão desenvolvendo os sistemas especiais de pintura e materiais que são utilizados nos produtos.

O orgulho inato da engenharia impulsiona o progresso

Além de desenvolver soluções especiais sob medida que precisam ser capazes de camuflar tudo, desde soldados e pequenas barracas a grandes hangares, a Saab Barracuda também efetua medições rigorosas em laboratório e no campo em tudo o que é desenvolvido e fabricado.

“Uma vez que, frequentemente, nos faltam padrões internacionais, desenvolvemos alguns dos nossos próprios métodos e padrões de medição. Eles são aceitos por nossos clientes e incluídos em suas especificações técnicas”, esclarece Nilsson.

Não há risco de os funcionários da Saab Barracuda se tornarem complacentes com o pensamento de a empresa ocupar a posição de líder mundial.

“Temos um orgulho inato de engenharia; devemos sempre oferecer a melhor proteção – porque é exatamente isso o que nossos clientes exigem de nós. Temos concorrentes que copiam a maior parte do que fazemos. Então temos que aprimorar ainda mais as nossas habilidades o tempo todo”, concluiu Jersblad.