Saab seleciona AEL Sistemas como fornecedor do Gripen NG no Brasil

A empresa de defesa e segurança Saab escolheu a AEL Sistemas (AEL) como uma nova fornecedora do Gripen NG no Brasil. A AEL fornecerá o visor panorâmico (WAD) e o visor na altura dos olhos (HUD), a serem integrados ao Gripen NG para o Brasil como parte do acordo F-X2. O programa de desenvolvimento do WAD e do HUD teve início em janeiro de 2015. A Saab e a AEL também assinaram um contrato de transferência de tecnologia.

O novo programa de sistemas aviônicos funcionará durante quatro anos e inclui trabalho de desenvolvimento, integração e produção a ser realizado em Porto Alegre. O trabalho de integração de sistemas será realizado pela Saab e pela Embraer.

O WAD para a aeronave Gripen NG do Brasil é um exclusivo sistema de visor inteligente e multifuncional totalmente redundante, todo colorido, com tela grande (19 x 8”), apresentação de imagem contínua e capacidade de controles touchscreen de última geração. É a principal fonte de todas as informações de voo e missão na cabine.

A AEL também desenvolverá um novo HUD para a aeronave Gripen NG do Brasil. O HUD fornece informações essenciais de voo e missão ao piloto ao olhar para o horizonte fora da cabine.

“Incorporar esses produtos avançados da AEL ao Gripen NG do Brasil aprimora ainda mais a aeronave. Esse acordo também mostra nosso contínuo compromisso de desenvolver e produzir o Gripen em estreita parceria com a indústria brasileira”, diz Ulf Nilsson, chefe do departamento de Aeronáutica da Saab.

“Estamos orgulhosos de fazer parte do processo de desenvolvimento do Gripen NG e de poder introduzir as mais recentes tecnologias de visores, computadores e softwares em um caça de última geração. Tenho certeza de que isso aumentará ainda mais a contribuição bem-sucedida da AEL para as Forças Armadas brasileiras”, diz Sérgio Horta, Presidente da AEL.

Uma ampla campanha de testes de voo será realizada em estreita colaboração com a AEL na unidade da Saab em Linköping, Suécia, para demonstrar e validar os novos equipamentos.

O contrato de transferência de tecnologia com a AEL focará no desenvolvimento posterior da interface homem-máquina (HMI) para caças avançados juntamente com oficinas de manutenção de aviões. A atividade desse contrato terá início na segunda quinzena de 2015 na Saab, em Linköping, e incluirá cursos teóricos e treinamento prático.