RICKARD NILSSON, NOSSO DESENVOLVEDOR DE SOFTWARE, QUER SE TORNAR O PRIMEIRO DO MUNDO NO PARACICLISMO

Paralelamente ao seu trabalho diário como desenvolvedor de software em Järfälla, na Suécia, Rickard Nilsson quer se tornar o primeiro do mundo no paraciclismo. Ele está no Rio de Janeiro em busca de seu objetivo.

Rickard Nilsson começou a se interessar pelos paraesportes em 2013. Decidiu começar no ciclismo na primavera de 2014. Usando um triciclo, os resultados vieram rapidamente. Desde a temporada de 2014, ele é membro da Equipe Nacional de Paraciclismo da Suécia, que viajou e competiu com o objetivo de obter o máximo de pontos para conseguir a classificação para os jogos do Rio. A meta da equipe era classificar pelo menos três ciclistas - e eles conseguiram classificar quatro! 

“Estes serão meus primeiros Jogos Paralímpicos e será muito divertido embarcar em uma aventura nova e viver novas experiências. A meta é estar o mais bem preparado possível. Tanto mental quanto fisicamente, mas também com um triciclo bom o bastante para disputar uma boa posição. Meu objetivo em longo prazo é ser o melhor do mundo! E, claro, ver até onde consigo chegar como atleta e também do que meu corpo é capaz”, explica Nilsson. “Minha jornada pelo esporte nos últimos dois anos me fez perceber quantas semelhanças existem entre os esportes de alto rendimento e o desenvolvimento de produtos aviônicos da mais alta qualidade. Em ambos os casos, são necessários estrutura e determinação”, afirma. 

Contudo, combinar trabalho e esportes como profissão não é nada fácil, e existem muitos desafios no caminho para se tornar o melhor do mundo: 

“Um dos maiores desafios que enfrento é encontrar tempo suficiente para fazer tudo que preciso. Se eu planejo bem o meu tempo e organizo os meus dias de maneira eficiente, geralmente não tenho problemas para encaixar o treinamento na minha programação. O que tornou tudo mais fácil foi o fato de eu trabalhar em uma empresa que me apoia como a Saab, e é ótimo ser capaz de combinar esporte profissional com o desenvolvimento de sistemas avançados de aviônica. Participar de um esporte profissional é como comandar um projeto com diversos pontos de contato, reuniões, e-mails para enviar, muito planejamento e assim por diante. E os triciclos precisam estar nas melhores condições para o treinamento e para as competições para que os melhores resultados possam ser alcançados. Há muito o que fazer, mas é incrivelmente divertido e dá muita energia. Todo esse esforço me fez perceber que é possível realizar muita coisa em um período curto de tempo se a pessoa estiver preparada para lutar por isso e trabalhar de maneira diligente, com um plano bem estruturado. E, naturalmente, isto é algo que eu tento incorporar ao meu dia de trabalho na Saab”, conclui Nilsson. 

Rickard irá competir de 14 a 16 de setembro. Estamos na torcida! 

Você também pode ler mais sobre o Rickard em sua página, com textos em inglês e em sueco: http://www.nilssonrickard.se/