Futuro Crescimento na Saab América Latina

Após ser inicialmente agrupada na Área de Mercado (MA) das Américas, a região da América Latina passou a ser sua própria MA em janeiro de 2015.

“Existe uma necessidade operacional – bem como uma pressão internacional – para a América Latina melhorar seu controle de tráfego aéreo e marítimo”, explicou Bo Torrestedt, recém-nomeado Chefe de MA para a América Latina. “Diversos produtos da Saab podem ajudar nesse objetivo”.

A fim de desenvolver oportunidades de negócios nessa nova MA, a Saab focará voltará sua atenção para fortes parcerias e análise de mercado. A empresa planeja conduzir avaliações de mercado a fim de determinar em quais regiões e produtos deverá focar; o objetivo é criar um patamar estável de entrada de pedidos com base no qual a Saab possa continuar a crescer.

Em outubro de 2014, a Saab concluiu negociações com o Governo Federal Brasileiro para desenvolver e produzir 36 caças Gripen NG para a Força Aérea Brasileira. Esse contrato parece estar gerando interesse de países vizinhos.

“Quando outros governos da América Latina notarem que o Brasil comprou de nossa empresa um sistema avançado, a nossa reputação como empresa confiável e segura também aumenta”, disse Sr. Torrestedt, acrescentando que a Saab é atualmente muito mais conhecida na região do que era antes de celebrar o contrato com o Brasil. “Eles passaram a conhecer os produtos da Saab e estão interessados em oportunidades conosco. Visto que a nossa presença no Brasil se estenderá para o futuro próximo, esse interesse provavelmente continuará a aumentar".